Artista que produzem músicas tristes também são importantes

Olá pessoas, como vocês estão?

Esse dias eu estava assistindo um react da Billie Eilish, exclusivamente da música Everything I Wanted, e comecei a pensar muito sobre como artistas como ela ou até Twenty One Pilots são importantes na indústria da música para falar de coisas que outras pessoas jamais falariam.

Photo by Gabriel on Unsplash

Atualmente há muitas músicas tristes no mundo falando sobre vários temas, mas é importante como esses artistas em específico se entregam a essa narrativa da dor interna, da dor que não conseguimos ver. Eles não apenas fazem uma música sobre isso, mas dedicam álbuns sobre todos os sentimentos corrosivos que muitos de nós seres humanos sentimos e não só isso, eles conseguem tanto através da música em si, como no próprio clipe transbordar essa sensação que fica difícil de explicar o que é, toda vez que eu assistia algum trabalho deles, eu pensava: É isso, é exatamente isso que estou sentindo.

Muitas pessoas estão se sentindo mal por várias questões, porém um problema em específico que eu percebo é como a internet nos faz mergulhar cada vez mais nesse sentimento, porque a comparação com todo mundo está sempre acontecendo a cada momento, porque a cada dia nasce um novo especialista em alguma coisa e portanto quando vamos tentar fazer algo, não acontece da forma que queríamos, ou não fica tão bom quanto o de fulano, nos sentimos atrasados em relação a vida e por este motivo que nos afundamos nas mágoas, a cobrança interna começa a crescer e nos sentimos debilitados.

Por isso é importante que pessoas como Billie Eilish e Twenty One Pilots existam. Pois eles trazem através da sua música um poder de não se sentir sozinho, de se sentir parte de alguma coisa, de alguma comunidade como um fandom talvez. Mas também de potencializar e liberar essa angústia através das palavras, de conversar com muitos que acompanham o seu próprio trabalho sem ao menos precisar conversar com a pessoa diretamente.

O modo como a composição da música acontece é também algo muito interessante de se avaliar, pois anteriormente muitas bandas que tratavam desse tema eram de rock com os seus berros e guitarras, porém quando um artista com Billie Eilish aparece com a sonoridade totalmente diferente, tudo muda, o modo como muitos até olham de fora começam a perceber que você se sentir depressivo não é algo explosivo e que deseja colocar tudo abaixo, é totalmente o contrário, é um silêncio, um sussurro dos demônios internos dizendo que não seremos capazes, que a vida talvez já tenha chego ao fim, porque nada de mais interessante irá acontecer.

Por isso que eu sempre recomendo prestar atenção nesse tipo de artista e até na sua mensagem, porque ele não está mais falando somente por ele, mas uma legião de pessoas ao redor do mundo inteiro que estão precisando lidar com esse novo mal do século, portanto não julgue, apenas escute e tente compreender.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Homens casados vivendo no Armário

Os jovens dos 18 aos 23 anos só reclamam de não conseguir emprego

Jogos de RPG das antigas